exclusivo

Preso em Porto Alegre homem suspeito de aplicar golpe na compra de gado na Região Central

Detenção do atravessador ocorreu na tarde desta terça em Porto Alegre. Corretor que seria sócio do suspeito também foi preso

18.427
Foto: Foto: Maurício Barbosa (Bei)
Investigações estão sendo coordenadas pela Delegacia de Formigueiro, junto com agentes da Decrab de Bagé

Foto: Maurício Barbosa (Bei)
Investigações estão sendo coordenadas pela Delegacia de Formigueiro, junto com agentes da Decrab de Bagé

Matéria atualizada às 20h10min de 22/06/2021

A Polícia Civil prendeu, na tarde desta terça-feira, o homem suspeito de aplicar um golpe de mais de R$ 30 milhões na compra de gado de produtores da região central do Estado. Marco Gilberto Müller Becker Filho estava desaparecido há pelo menos uma semana.

Conforme a reportagem do Bei apurou, na noite desta terça, um corretor de gado, que seria sócio do suspeito, também foi preso em Caçapava do Sul.

A detenção de Becker foi feita em Porto Alegre por agentes da Delegacia de Polícia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato (Decrab) de Bagé, que atua nas investigações junto com a Delegacia de Formigueiro. Os policiais, sob o comando do delegado André Mendes, obtiveram um mandado de prisão expedido pela Justiça de Caçapava do Sul. Também foi apreendida a caminhonete Fiat Toro que seria de propriedade do suspeito.

Operação da Polícia Civil prende quatro pessoas em Cruz Alta

Becker estava na casa de uma irmã na Capital. Ele foi levado nesta terça-feira para o Presídio Estadual de Caçapava do Sul, onde deve ser ouvido hoje pelo delegado Antonio Firmino de Freitas Neto, que responde por Formigueiro.

- A partir de agora, a gente tem uma série de coletas de informações para fazer, fechar a investigação e trazer um pouco mais de paz para as vítimas, com identificação de patrimônio e de informações importantes para o ressarcimento futuro (das dívidas) - afirma Mendes, que ainda ontem pretendia ouvir Becker.

Na tarde de terça, havia 35 ocorrências policiais contra o comprador e vendedor de gado em pelo menos 10 municípios gaúchos. Somente na Delegacia de Formigueiro, há 22 ocorrências registradas por produtores rurais que alegam ter vendido animais para o atravessador, mas não receberam o dinheiro. O número de pecuaristas lesados, contudo, é bem maior, já que denúncias estão sendo registradas em outras delegacias do Estado.

No fim da tarde, tão logo souberam da prisão, diversos produtores estiveram na DP de Formigueiro, que já estava fechada, em busca de informações. Alguns informaram à reportagem que não chegaram a registrar ocorrência contra o suspeito.

Becker seria dono da Agropecuária MB.

VÍDEO: moradores têm diferentes versões sobre o suposto golpe do gado na região

PREÇO MAIOR
O homem investigado pelo suposto golpe milionário é natural de Caçapava do Sul, mas reside em Formigueiro. Ele atua há pelo menos dois anos no ramo de compra e venda de animais. Segundo os produtores, o suspeito adquiria o gado por preço acima do valor de mercado, para pagamento a prazo, e o revenderia a preços mais baixos em remates com pagamento à vista.

DEFESA
A reportagem entrou em contato, na noite desta terça, com a advogada Ana Elisa Telesca Mota, que defende Marco Becker. Ela informou que foi contratada nesta terça pelo suspeito e ainda não teria informações a passar sobre o caso. 

Internet

wpp.png