fiscalização

Estabelecimentos são notificados por descumprirem medidas

Pelos menos três locais funcionavam além do horário permitido pela prefeitura


Foto: Anselmo Cunha (Especial)
Pelos menos três estabelecimentos foram notificados por estarem funcionando fora do horário estabelecido pelo Estado

Após o agravo da pandemia, a escassez de leitos de UTI no Estado e o endurecimento das normas do decreto em todo o Rio Grande do Sul, alguns pontos comerciais de Santa Maria não cumprem as medidas de prevenção ao contágio. Mais uma vez, a reportagem acompanhou equipes da Fiscalização Municipal Integrada e flagrou o descumprimento do decreto estadual que proíbe atividades não essenciais após as 20h. Pelo menos três locais foram notificados pela força-tarefa.

Criminosos armados rendem vigilante e roubam empresa em Itaara

Um deles foi um restaurante, no Bairro Bonfim. Às 20h55min, o estabelecimento seguia aberto e com clientes na parte interna. Com a chegada da fiscalização, os clientes foram orientados a deixar o local. O local foi notificado e a Brigada Militar fez um termo circunstanciado. O mesmo aconteceu em uma distribuidora de bebidas no Bairro Rosário. Às 20h20min, os fiscais flagraram clientes em atendimento. Com a chegada dos fiscais, a distribuidora até tentou baixar as portas, mas não adiantou. Os fiscais precisaram da ajuda dos policiais civis que acompanhavam a comitiva para a identificação dos responsáveis. A distribuidora foi notificada e teve que encerrar as atividades pela noite.

A fiscalização começou ainda antes do horário limite de funcionamento, por volta de 7h30min. Participaram da ação equipes da Brigada Militar, do Departamento Municipal de Trânsito, Polícia Civil, Vigilância Sanitária, Guarda Municipal e prefeitura. As equipes foram divididas em três comboios. Um deles partiu para o Bairro Rosário. Antes das 20h, o caráter foi de orientação. Três bares que ainda funcionavam minutos antes das 20h foram orientados a fechar no horário estabelecido, sem tolerância. Às 20h04min, cinco clientes ainda ocupavam as mesas de um bar. Todos foram orientados a sair, e os fiscais aguardaram até o fechamento total das portas, o que ocorreu cinco minutos depois.

Ladrões roubam carro e R$ 100 mil em semijoias em Cruz Alta

Até as 22h, outro comboio havia fiscalizado sete locais. O primeiro foi em um bar no Bairro Medianeira, pouco antes das 20h. O fiscais chegaram, conferiram a documentação e orientaram o proprietário a fechar. O segundo local foi em outro bar bem perto dali. Quando os fiscais chegaram o local estava fechado. Em outro momento, um restaurante foi flagrado aberto e com clientes fora do horário permitido. O estabelecimento também foi notificado e feito um termo circunstanciado pela Brigada Militar. 

Outros quatro locais foram visitados. Em dois deles, um na BR-287 e outro na Avenida Paulo Lauda, pessoas estavam em frente aos estabelecimentos. Elas foram orientadas a irem embora para casa. 

*colaboraram Maurício Barbosa e Felipe Backes

Internet

wpp.png