integração

Após um ano, Ciosp divulga queda nos índices de criminalidade em Santa Maria

Dados da Polícia Civil mostram que roubos tiveram queda de até 43% no primeiro semestre de 2021 em relação ao mesmo período do ano passado

Foto: Foto: Marcelo Oliveira (especial)

Foto: Marcelo Oliveira (especial)

O Centro Integrado de Operação de Segurança Pública (Ciosp) de Santa Maria completa um ano neste sábado. Inaugurado em 14 de agosto de 2020, o local agrega várias instituições e conta com mais de 870 câmeras espalhadas por pontos estratégicos da cidade. Em um ano, as imagens captadas pelo cercamento eletrônico do Ciosp e o trabalho articulado entre os órgãos de segurança permitiram uma maior eficácia no trabalho no atendimento de ocorrências, no pré e pós-crime e também na atuação da Fiscalização Municipal Integrada no controle de aglomerações durante a pandemia.

Entre os principais propósitos do Ciosp, estão desenvolver ações conjuntas entre os órgãos de segurança, controlar o acesso a Santa Maria por meio do cercamento eletrônico, diminuir o tempo de resposta em ações de urgência e emergência e proporcionar uma visão geral do município e regiões limítrofes.

Conforme os dados da Polícia Civil, o primeiro semestre deste ano, em comparação ao mesmo período de 2020, teve redução nos crimes de roubos a residência, a pedestres, a estabelecimento comercial e de furto de veículos. O crime que teve maior redução - o roubo a residência - caiu 43% em Santa Maria. Os outros também tiveram queda entre 25 e 36%. 

Veja o comparativo abaixo:

Nesses 365 dias, o Ciosp já repassou 273 vídeos com imagens de diferentes pontos de Santa Maria para órgãos de segurança e 251 imagens foram solicitadas pela população.

Para o prefeito Jorge Pozzobom (PSDB), a ideia é que o Ciosp seja, cada vez mais, qualificado e estruturado para poder atender à comunidade santa-mariense.

- O Ciosp é um orgulho de Santa Maria. Ele é fruto de um esforço da prefeitura, das forças de segurança e da sociedade civil para melhorar ainda mais a segurança da cidade e do interior - explica o prefeito. 

Foto: Pedro Piegas (Diário)

INTEGRAÇÃO DOS ÓRGÃOS DA SEGURANÇA
Com sede na Avenida Nossa Senhora Medianeira, o Ciosp reúne a Guarda Municipal, a Brigada Militar, a Polícia Civil, o Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil, tanto municipal quanto estadual, a Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) e a Coordenadoria Municipal de Trânsito Urbano (CMTU).

A partir desta sexta-feira, um posto do Instituto-Geral de Perícias também começa a funcionar no local. De acordo com o perito criminal e coordenador da 5ª Coordenadoria Regional de Perícias (5ª CRP), Railander Alves Barcellos, até que a sala oficial esteja pronta, o posto irá funcionar de forma emergencial. 

- O mini posto será exclusivamente para o atendimento de detentos. Desta forma, evita-se que após ser levado à delegacia, o apenado precise ser deslocado até o Posto-Médico Legal - conta Barcellos. 

Outros órgãos da segurança como a Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal e Receita Federal também trabalham com informações geradas a partir do Ciosp. 

Para o delegado regional Sandro Meinerz, o centro é o ponto de partida de uma nova era e de um novo momento para a segurança pública da cidade.

- A integração dos órgãos de segurança é, sem dúvida nenhuma, a grande arma que nós temos para oferecer contra a criminalidade. Se o crime organizado tem capacidade de se organizar, o Estado tem o dever de responder à altura essas novas demandas que surgem relacionado ao crime - diz Sandro Meinerz.

De acordo com o comandante do 1º RPMon, tenente-coronel Cleberson Braida Bastianello, a prevenção dos crimes foi um trabalho que pode ser aperfeiçoado com a criação do Ciosp.

- O Ciosp fez com que pudéssemos monitorar esses locais de maior risco, prevenindo esses delitos. Também conseguimos identificar, de forma mais eficaz, a autoria do crime quando ele acontece. O cercamento eletrônico e a integração entre as instituições permitem também a agilidade em prender o suspeito, assim ele deixa de praticar crimes e isso reflete diretamente na redução desses crimes - aponta Cleberson Bastianello.  

O CIOSP
Para a criação do Ciosp, a prefeitura contou com a parceria da Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Santa Maria (Cacism), através do Conselho Municipal Pró-Segurança Pública (Consepro), da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), do Sindicato dos Lojistas do Comércio de Santa Maria (Sindilojas), do Ministério Público do Trabalho e dos governos estadual e federal. 

Ao todo são 870 câmeras fixas, 26 câmeras móveis com zoom e 32 câmeras OCR, que possibilitam edição e pesquisa das informações captadas. Neste mês, mais de 50 câmeras foram instaladas no Cemitério Ecumênico Municipal com o objetivo de coibir furtos e vandalismo. O centro também conta com um sistema tecnológico que permite que as viaturas da Guarda Municipal, da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros, equipadas com GPS, sejam localizadas em tempo real. 

 Atualmente, o Município investe cerca de R$ 6,4 milhões por ano na manutenção da estrutura do Ciosp. A Brigada Militar e a Polícia Civil também participam do custeio do prédio, arcando com as contas de água e energia elétrica, respectivamente. 

SERVIÇOS

Alertas meteorológicos

-Previsão de pontos de possível alagamento e de queda de árvores
- Informações sobre áreas que registram alagamentos, árvores caídas, deslizamentos de terra e pessoas desabrigadas (em caso de temporais, por exemplo)

Ações diretas de promoção de segurança pública

- Combate a furtos e roubos
- Identificação de infratores
- Coleta de provas
- Análise do modo de operação de indivíduos ou grupos suspeitos de crime
- Inibição de depredações, pichações e outros atos de vandalismo em áreas públicas e privadas
- Monitoramento de tornozeleiras eletrônicas e acompanhamento de ocorrências que envolvem detentos e egressos do sistema prisional (junto à Susepe)

Controle de trânsito

- Acompanhamento em tempo real de vias urbanas e rodovias
- Informações para criação de itinerários alternativos para restabelecer o fluxo de trânsito em caso de interrupções
- Identificação de infrações de trânsito

Ações do Corpo de Bombeiros

- Localização de hidrantes para reabastecimento dos veículos do Corpo de Bombeiros
- Auxílio na análise do local de incêndios ou alagamentos

Ações ambientais

- Informações sobre descarte irregular de resíduos
- Identificação de infratores

CONTATOS PARA ATENDIMENTO À POPULAÇÃO

- Guarda Municipal - 153
- Atendimentos relacionados ao trânsito - 153
- Brigada Militar - 190
- Corpo de Bombeiros - 193
- Polícia Civil - 197

Internet

wpp.png