Restinga Sêca

Após troca de tiros com a BM, segundo suspeito de assalto à joalheria é preso

O homem de 37 anos foi localizado durante patrulhamento na localidade de Vila Rosa no interior da cidade da Quarta Colônia

18.429
Foto: Foto: Brigada Militar (divulgação)

Foto: Brigada Militar (divulgação)

Após troca de tiros, um segundo suspeito de assaltar uma joalheira, em Restinga Sêca, foi preso na noite de quinta-feira no interior do município. O homem de 37 anos foi localizado durante patrulhamento da Brigada Militar (BM) na localidade de Vila Rosa. 

O confronto, que aconteceu com dois dos criminosos, teve continuidade até a localidade de Barro Vermelho. No local, um cerco na mata foi formado pelos policiais que conseguiram prender um dos suspeitos. 

Conforme a Polícia Civil, no dia do crime o suspeito teria ajudou e conduzido os criminosos pelo interior do município.

Bombeiros encontram corpo de homem desaparecido em rio de São Gabriel

O homem é natural de Restinga Sêca e foi encaminhado ao Presídio Estadual de Agudo. As buscas pelo outro suspeito e pela mulher, que participaram do assalto, continuam no interior da cidade com o reforço da Força Tática e do 2º Batalhão de Polícia de Choque (2º BPChq) de Santa Maria.

Um homem de 34 anos, que também é suspeito do crime, foi preso na manhã da última quarta-feira, próximo a um matagal na RSC-287, no interior do município. Na casa do indivíduo, que também é de Restinga Sêca, os policiais apreenderam uma balança de precisão, um moletom e drogas.O carro usado no crime, um Lifan branco, era clonado e também foi encontrado abandonado em meio à vegetação. O carro foi apreendido e será periciado para ajudar nas investigações. 

*Com informações da Rádio Integração

Internet

wpp.png